cartões criativos

Morar Juntos - Um grande passo para namorados

Deixe seu comentário
Não importa há quanto tempo você está com seu namorado ou sua namorada, a decisão de morar juntos é sempre um grande passo a se pensar muito bem. Muitos casais passam a viver na mesma casa muito antes de tomar a decisão de realizar uma cerimônia de casamento tradicional. É preciso saber como será o comportamento um do outro frente às dificuldades, obrigações e, claro, a compatibilidade do casal para viver sob o mesmo teto.


namorados

A decisão vai muito além da vontade de estar perto um do outro. Antes de conversar com seu parceiro sobre essas questões, faça um balanço sobre os prós e contras. Separei algumas dicas para ajudar na decisão e ter uma convivência a dois. Confira:

1. Quando um não quer, dois não brigam 

Sim, você decidiu! Depois de uma lista infinita de motivos positivos, você quer morar com seu parceiro ou parceira. A próxima questão a ser resolvida é: Ele quer também? A vontade precisa ser mútua, não adianta forçar o outro. Se for contra a vontade de um, a experiência pode não dar muito certo. O outro está 100% comprometido com todas as responsabilidades que estão por vir? Tenha uma conversa séria, assim vocês podem chegar a um ponto sem precisar magoar ninguém. Não estar preparado, não quer dizer que o seu namorado ou namorada não te ama de verdade.

dificuldade

2. Atente-se às questões financeiras

Talvez o seu parceiro ou parceira esteja com receio de morar juntos por causa das questões financeiras. Sejam sinceros um com o outro sobre este assunto, pois não adianta se comprometer e acabar apertado porque tomou a decisão precipitadamente, sem analisar as questões financeiras. Esse fator é importantíssimo, principalmente, quando vão alugar ou realizar um financiamento para compra de imóvel em conjunto. Quando a questão de financiamento for resolvido e o orçamento mensal estiver mais claro, pode começar a procurar sua nova casa.

financeiro

3. As regras de convivência são necessárias

Você já passa muito tempo junto do outro, mas isso não quer dizer que a convivência será fácil todos os dias. Cada pessoa tem seu momento e estava acostumada a outra realidade. É preciso respeitar a individualidade do seu parceiro ou parceira para que os atritos sejam os mínimos possíveis.

futebol

4. O dialogo é ponto essencial para quem mora junto

Mesmo que haja pontos acordados para que a convivência entre o casal seja cada vez melhor, esteja sempre aberto para conversar e entender o lado do outro. É claro que o outro também precisa estar na mesma sintonia ou morar juntos não vai ser tão fácil assim.

morando junto

5. Tarefas a dois são mais divertidas, receber gente também

Dividir as tarefas do dia a dia é uma decisão aceita no momento em que decidiram morar juntos, decididas as preferências e quem se dá melhor com o que. Tudo resolvido? Agora, não deixem de ter momentos prazerosos a dois. Tirem um tempo para cozinharem juntos, assistirem um filme, convidar amigos para um jantar. Viver isolado socialmente não é nada legal e momentos de lazer e romantismo a dois sempre renovam o relacionamento para mais uma etapa.

morando junto

Compartilhe suas dicas para melhorar a convivência a dois aqui. Espero que tenham gostado!
Beijo e até mais!

**Guest Post
    Comentários Blogger
    Comentários Facebook

0comentários:

Deixe seu comentário